SOBRE TENDÊNCIAS & INFLUÊNCIAS DE MODA

Revista Elle - Nov 2017
Revista Elle – Nov 2017

 

Tendências de moda são previsões e especulações sobre o uso de determinado tecido, cor, estilo, estampa, acessório etc. As tendências são obtidas através de pesquisa de consumo, análise de valores sociais, de desejos particulares dos consumidores, de criações inovadoras de estilistas, de releituras de quadros históricos etc.

Normalmente, somos bombardeados com informações sobre os hits do momento nos influenciando a consumir todo tipo de coisa como atuais “tendências” de moda.

Tendência é algo que tende a acontecer. Tendência tem a ver com pesquisa e observação do espírito do tempo (acontecimentos mundiais e locais que nos influenciam) e com planejamento de coleção. O que está cool, o que é hit já está nas lojas. E o que já está nas lojas poderíamos chamar de influência de moda. Afinal, tudo aquilo que o mercado da moda abraçou e coloca a disposição do consumidor influencia nosso consumo no tempo presente.

Revista Elle – Ago 2017

Em vez de tratar todas as novas influências de moda como itens obrigatórios, pense nelas como uma vitrine. Você pode escolher o que quiser. Se vê uma roupa que gostou de imediato e que é compatível com seu estilo pessoal, procure a peça para experimentar e, se der match e você amar, invista para tê-la no seu guarda-roupa e continuar usando mesmo quando deixar de ser um hit do momento. Mas, se você não ver nada que combine com seu estilo, pode enfrentar a estação com as roupas que possui.

A indústria da moda pressiona, através do marketing, com mensagens do tipo: “5 peças que você precisa ter no seu guarda-roupa”, “tendências que você precisa ter/seguir nessa estação” etc. Com isso, muitas de nós acabam comprando essa ideia incutida de que precisamos das influências e lançamentos da temporada.

Revista Elle – Set 2017

O segredo é não viver a moda como um padrão onipresente/como uma lei, mas pelo que de fato ela é. A moda é uma forma de arte, uma parte importante da cultura que reflete desde as maiores mudanças culturais até os menores movimentos. Entre as manifestações das artes, a moda é a mais presente no cotidiano da população, pois precisamos nos vestir diariamente. Mas, assim como nas outras artes você não é obrigado a consumir aquilo que não tem realmente a ver com sua essência só porque está em voga. Um bom exemplo para isso está no cinema e na música, você absorve aquilo de que gosta, que tem a ver com sua história e seu estilo de vida. O mesmo vale para a moda.

As influências de moda estão aí para usufruirmos aquilo com o qual nos identificamos, agregando valor ao nosso estilo pessoal.
Não se sinta intimidada/pressionada pelo marketing das “tendências de moda” (influências de moda), mantenha-se confiante com seu estilo pessoal e assim terá um guarda-roupa incrível que representa em essência quem é você. Se você se conhece, sabe do que gosta e do que necessita, você consome de forma consciente! O que só traz benefício para sua imagem pessoal, para sua vida financeira e para o meio ambiente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *